Dia+ movimenta Centro araranguaense

16/07/2018

O sábado de sol e temperaturas agradáveis ajudou a fazer mais um Dia+ de sucesso para o comércio de Araranguá. O dia especial acontece sempre no segundo sábado de cada mês, e o comércio fica aberto até as 17 horas. Neste sábado, o público compareceu e pôde aproveitar além de passear pelo calçadão e conhecer algumas iniciativas que não aparecem muito durante a semana.

Em um dos estandes, Jonatan Rocha Lummertz, que faz parte do núcleo de relações com o mercado de uma instituição de aprendizagem bastante tradicional no estado, distribuía panfletos e falava diretamente com as pessoas sobre cursos e oportunidades. Nosso objetivo é divulgar os cursos e é muito importante poder fazer isso boca a boca com o pessoal, trazendo para mais perto do cliente nossas propostas”, explica ele. Jonatan ainda opina sobre a relevância de um dia onde o cliente tem mais tempo para apreciar oportunidades de negócios. “Essa é a raiz do marketing, é importantíssimo fazer essa divulgação onde o pessoal está focado, e não apenas em nosso espaço físico”, declara.

A lojista Elis Estevam também gosta da ideia do Dia+, porém, acredita que algumas ações poderiam fazer dessa data um dia ainda mais proveitoso. “Eu acho que poderia ser ainda melhor, ter mais incentivo, mais atrativos aos clientes. Mas movimenta e vende mais, sim. Nesse dia as pessoas compram mais”, diz.

A gerente Rebeca Moliterno, vai mais além. Para ela, esse horário estendido ajuda a movimentar não só os clientes, mas os próprios lojistas. “Nesse dia a gente propicia ao cliente uma experiência de compra diferente. Nesse dia o cliente vem com a família, com mais tranquilidade, mais tempo. Além disso, a gente também faz algo diferente, uma ação interessante, que durante a semana não se consegue. No Dia+, a gente consegue vender mais”, relata.

No calçadão, o público ainda pôde conhecer iniciativas como a Rede Feminina de Combate ao Câncer e o projeto das alunas do Colégio Murialdo para arrecadar livros e ajudar a preservar a cultura araranguaense, além de medir a pressão arterial e outros procedimentos com estudantes de enfermaria. Muitos comerciantes também colocam barracas com projetos próprios e brindes para quem transita no local.

Para o presidente da Câmara de Dirigentes Lojista, CDL, de Araranguá, Luiz Gonzaga, toda essa movimentação busca trazer mais pessoas para a rua, e propiciar às pessoas bons momentos no comércio de Araranguá. “O Dia Mais já é uma data tradicional, no segundo sábado do mês, com horário estendido e mais tempo ao cliente. Nosso objetivo é criar uma oportunidade para o cliente poder fazer suas compras com calma, consultar seu crédito, pesquisar os produtos e negociar com os lojistas”, pontua.

Imagens

Outras notícias